O Mistério da Grande Pirâmide

terça-feira, 14 de outubro de 2008

 


QUEÓPS - Segredos e Utilidades

Quéops e As Pirâmides de Gisé


A palavra Pirâmide vem do grego "pyr", que quer dizer "fogo" e "amid", que significa "no centro".
As únicas de entre as chamadas 7 maravilhas do Mundo Antigo que ainda persistem na actualidade são a Pirâmides de Gizé, grupo de três pirâmides denominadas de Kufu (ou Queóps), Quéfren e Menkaure (ou Miquerinos) - pai, filho e neto.


- As Três Pirâmides de Gisé-


Destas três a maior e mais misteriosa de todas é Grande Pirâmide, ou Pirâmide de Quéops, que localizada no Egipto fica a aproximadamente 10 milhas da cidade do Cairo.


- Pirâmide de Queóps ou Khufu-

A Pirâmide de Quéops (ou Khufu), diz-se ter sido construída para ser a tumba do Faraó Quéops da quarta dinastia, cujo reinado se estendeu de 2551 a 2528 a.C., e sendo a maior das três sua altura era de 146,6 metros, pelo que actualmente é de 137,16 m com uma massa de 31.200.000 toneladas.

- Faraó Khufu-

Sabe-se que era externamente revestida com pedra calcária polida, o que a fazia brilhar quando a luz do sol incidia tornando-a visível a quilómetros de distancia. Tal revestimento foi saqueado há séculos, sendo que apenas uma fracção dele sobrou, no topo da construção.

- Apenas o topo resta do revestimento de pedra calcária-


Foi durante milénios a construção mais alta já feita pelo homem, e só foi superada com a construção da torre de Lincoln (uma torre de Igreja), em 1311, que tinha 159 metros de altura. Porém esta torre foi destruída em 1549, pelo que depois disto a Grande Pirâmide só voltou a ser superada em 1889, com a inauguração da Torre Eiffel.


Sabedoria e Segredos


No entanto, para além de sua localização e história mais moderna muito pouco mais se sabe a seu respeito. A afirmação de que ela teria sido construída para servir de câmara mortuária para o Faraó não tem grande sustentação, porque nunca foram encontrados múmias ou tesouros no seu interior.Então, como foi construída? E com que intenção?Até hoje ninguém conseguiu encontrar uma explicação convincente para os mistérios que envolvem a Grande Pirâmide. Alguns estudiosos defendem a ideia de que ela teria sido erguida como instrumento e local de iniciação.


Projectada com base numa geometria hermética, demonstra uma sabedoria que ainda não atingimos. A Pirâmide de Quéops encontra-se orientada para os quatro pontos cardeais, limitando o Delta do Nilo (local onde orio Nilo desagua no mar Mediterrâneo através de vários canais) geometricamente com o prolongamento das duas diagonais e dividindo-o em duas partes iguais seguindo o eixo da pirâmide, ou seja: medindo a vara egípcia 0,525 metros, o lado da base da pirâmide tem 440 varas e a sua altura é de 280 varas.Existem duas hipóteses para a origem dos 2.600.000 blocos gigantescos que formam a Pirâmide. Uma é a de que eles foram recortados das várias pedreiras, lapidados, transportados através de barcos no rio Nilo, e colocados e unidos com exacta precisão milimétrica. Outra hipótese diz que estas pedras eram sintéticas.Na verdade, tecnicamente, não somos capazes de polir e montar os blocos de calcário e granito com a perfeição com que eles formam as suas paredes. E como foram transportados, se alguns pesam até 70 toneladas?

- Uma das pouco credíveis teorias para o transporte destas pedras-



Tudo parece indicar a participação de uma civilização mais avançada, ou de seres dotados de inteligência privilegiada. Se não observemos a precisão desta espectacular construção:* Ao invadir o Egipto, Napoleão Bonaparte pediu a seus técnicos que traçassem o mapa do país conquistado. Tomando a Grande Pirâmide como meridiano para marcar longitudes, eles descobriram que:a. O meridiano escolhido passava exactamente na região do Delta do Rio Nilo, dividindo todo o baixo Egipto em duas partes iguais.


- Queóps divide o Alto do Baixo Egipto-

b. Duas linhas diagonais, perpendiculares entre si, a partir da Pirâmide, delimitam toda região do Delta do Nilo.

- O Delta do Rio Nilo delimitado pelas linhas que, tendo ambas 160 milhas de comprimento vão ao encontro, respectivamente, das cidades de Alexandria e Porto Said-

c. A posição geográfica da Pirâmide pode ser utilizada como meridiano central do globo terrestre, sendo sua localização a longitude zero natural do mundo. A superfície das terras compreendidas a leste da Pirâmide é igual à superfície de terras a oeste.

- Queóps e a longitude Zero Terrestre-



d. Os quatro lados inclinados da Grande Pirâmide estão alinhados com os quatro pontos cardeais da bússola.

- Cada lado da pirâmide aponta na direcção de um ponto cardial-

* O teorema de Pitágoras e de Hidarco, que surgiram apenas nos séculos II. e V A.C. respectivamente, entram nos cálculos da Pirâmide, assim como o próprio valor de Pi (3,1416), quando suas aplicações no Egipto datam de 1700 A.C., bem após a sua construção.



* Sabe-se ainda que as principais câmaras da pirâmide se encontram direccionadas para algumas das constelações mais importantes.

* A inclinação de 51º 51' da Pirâmide corresponde à mesma das aproximadamente 60.000 células piramidais do nosso sistema nervoso central.

- A amarelo as células piramidais do Sistema Nervoso Central -


A Força da Forma


As pesquisas e descobertas feitas em torno da Grande Pirâmide continuam a surpreender o Homem que, com base nas mesmas, começa a reconhecer o facto de as energias emitidas por esta ‘forma perfeita’ possuírem a capacidade de actuar sobre objectos e seres vivos.São bases sustentadoras dessa conclusão os seguintes acontecimentos:1. Animais mortos, encontrados pelo francês Bovis na Câmara do Rei, no interior da Pirâmide, não estavam deteriorados, mas sim desidratados e mumificados. Em seus relatórios sobre o assunto, Bovis falou de campos de energia, que actuariam também na preservação de alimentos.2. Trabalhos do técnico de rádio e televisão de origem checa Karel Drbal levaram-no a concluir que existe uma relação entre a forma do espaço interior da Pirâmide e os processos físicos, químicos e biólogos que ali ocorrem, e que estes podem ser acelerados ou retardados com a utilização de formas adequadas. Ele conseguiu fazer de 80 a 100 barbas, utilizando uma única lâmina, que havia sido colocada numa réplica da Grande Pirâmide.3. O professor e técnico francês de rádio L. Turene afirmou em seu livro "Ondas Providas das Formas" que objectos como pirâmides, cones, esferas e cubos atuam como captadores e ressonadores das energias do Universo.4. Experiências realizadas com formas piramidais obedecendo às proporções de Quéops e orientadas, como ela, seguindo a linha norte - sul da bússola, mostraram resultados como purificação da água, crescimento acelerado de plantas, aceleração na germinação de sementes e no processo de cura de doenças em seres vivos, alívio de dores e aumento da facilidade de relaxamento e meditação, entre outros.

- Sistema de energização da Pirâmide de Queóps-



- Energização de elementos usando a pirâmide feita à escala-



- Meditação no interior da Pirâmide-

Porque é que os campos de energia atuam diferentemente, dentro e fora da pirâmide?A física moderna tem demonstrado que nós também somos energia isto é, estados vibratórios. Habituemo-nos a raciocinar menos em termos de matéria e mais em torno do conceito de campo magnético, e vamos observar que vivemos cercados de energia e de que tudo actua simultaneamente.



PIRÂMIDE POR DENTRO



Seção transversal da Grande Pirâmide de Gizé. Calculou-se que esta Pirâmide contém mais alvenaria sólida do que todas as catedrais, igrejas e capelas construídas na Inglaterra desde a época de Cristo.

A. Entrada.B. Galeria descendente.C. Câmara do Caos ou câmara subterrânea.D. Canal de Serviço onde se encontra o Poço.E. Galeria ascendente.F. Câmara da Rainha.G. Canais de ventilação.H. Grande Galeria.I. Antecâmara.J. Câmara do Rei.K. Câmara de descarga.



CÂMARA DO REI


Detalhe da Câmara do Rei. O Aposento tem 34 pés de comprimento, 17 de largura e 19 de altura. As paredes, chão e tecto são de granito vermelho polido, capazes de gerar electricidade.



A ESCALA


AF = h (Altura da pirâmide)AB, AC, AD, e AE = a (Arestas da pirâmide).AG = a' (Apótema) (altura do triângulo da face)BC, CD, DE e BE = b (Base da pirâmide).



Algumas aplicação das cores no tratamento pela Pirâmide

PIRÂMIDE VERMELHA


É a cor representativa da energia física. Estimula o sistema nervoso. Tem efeito vitalizante, excitante e revigorante. É usada em casos de depressão, desânimo, cansaço, anemia, e fraqueza. Mantém o fluxo de adrenalina, eleva a pressão sanguínea e o ritmo da pulsação. Actua nas mulheres com menstruação deficiente e nas constipações. Atenua temores e preocupações, porque proporciona também rigor psicológico. Porém o abuso desta cor leva aos seus opostos: à ambição e à força bruta, às inflamações e às febres, à inquietação e à tensão nervosa.



PIRÂMIDE LARANJA


É a cor do bem-estar e do equilíbrio. Está situada entre o rigor do vermelho e o intelecto do amarelo, levando a uma acção temperada pela razão. Fornece energia para os desafios da vida, deixando que as ideias novas penetrem, trazendo esclarecimento e libertação e removendo as inibições. Indicada para os casos de doença mental (como catatonia), e para as tensões emocionais. É usado também para hemorróidas, problemas de rins e pulmões (asma, bronquite). O laranja permite penetrar fundo nas situações, mas o seu uso exagerado pode levar a excessos de críticas, à exigência de um equilíbrio perfeito, o que pode conduzir à indecisão, à timidez e à susceptibilidade.


PIRÂMIDE AMARELA


Representa a razão, a compreensão e o autocontrole. Afecta o sistema nervoso, ajudando os deprimidos, mas levando à fantasia e ao descuido do corpo físico e do lado prático da vida. Bem utilizado, o amarelo desperta e estimula as faculdades mentais, irradia alegria e optimismo, e afasta os pensamentos negativos. É indicados em casos de depressão e letargia mental, problemas de estômago (má digestão), intestinos (prisão de ventre) e fígado. É uma cor inspiradora, sintonizada com o intelecto, que distribui sabedoria e facilita o uso da palavra. O amarelo traz diversidade e originalidade, mas leva a uma necessidade de mudança constante, que pode degenerar em superficialidade e dispersão de energia.



PIRÂMIDE VERDE


Traz a natureza e o equilíbrio. No espectro solar, centraliza-se no meio das duas extremidades (vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, anil, violeta). Agradável, relaxante, refrescante, representa a vida com a renovação trazida pela primavera. É a cor da assepsia, recomendada para uso nos hospitais. É·indicada para o tratamento de úlceras, dor de cabeça, hipertensão, insónia, e acalma a tensão dos músculos e dos nervos. Inclui a alegria do amarelo e a tranquilidade do azul. Prefere a segurança e a organização às novidades, e seus aspectos negativos são a rotina, a falta de imaginação, a rigidez de princípios, o dogmatismo e a tendência a fazer as coisas a seu modo, custe o que custar.



PIRÂMIDE AZUL


Traz consigo a força espiritual. Calmante, tranquilizante, alivia os nervos perturbados e facilita a introspecção; acalma a angústia e as agonias, e induz à busca interior e ao auto-conhecimento. Traduz o amor e a beleza, e ajuda a viver com mais facilidade. Os pontos negativos da cor podem levar à preguiça e à apatia, ou à inconstância devido à sua busca de emoções. Tem efeito terapêutico nos problemas de visão, nas dores de ouvido, de garganta, nas laringites, doenças infecciosas, gastrite e queimaduras.



PIRÂMIDE ANIL


Cor da intuição é a busca espiritual mais sintonizada com a realidade da vida. Leva à compreensão, alivia as frustrações e medos unindo, no homem, o lado espiritual e o material. Artístico, idealista, leva à busca da justiça e da harmonia, valoriza a vida familiar, o lar, os filhos. Mas também tem seus aspectos negativos: ele pode decidir viver só para si, transformar o seu desejo inato de ser útil em intromissão e inconveniência, o que o tornam incapaz de ajudar até a si mesmo. Para tratamento, é recomendado nos males dos olhos, ouvidos, nariz e garganta, nas doenças dos pulmões e nas febres.


PIRÂMIDE VIOLETA


Representa o elemento mais elevado da natureza do homem. Vai além da percepção espiritual do azul e da compreensão da realidade do anil: não aceita as aparências, vai a fundo em todas as situações e procura vincular conscientemente o conhecido ao desconhecido. Busca o verdadeiro significado da vida, e esforça-se por alcançar a perfeição. É também calmante e alivia as neuroses já que traz a compreensão consciente que dá as bases da razão à fé. Serve como iluminado, trazendo para a humanidade obras-primas de arte, de pensamentos e realização. É indicado nas nevralgias, na dor ciática, nos males do couro cabeludo, nas doenças dos rins e bexiga, no reumatismo, nas doenças mentais e na insónia. Seu aspecto negativo está no excesso de espiritualidade, que pode levar à fuga através da fantasia.



*****************************************************************

1 comentários:

VIZADPF disse...

Se a verdade esta no topo da Pirâmide, assim como o poder de uma total hierarquia da Ordem mundial...agora quem esta no Topo deste poder? a ancia pela busca da imortalidade e o domínio total das forças e a supremacia da sabedoria...pense bem...um HD de um computador foi feito para ser monitorado pelo Seu fabricante (IPI ),mais de 3.200 satélites no espaço...acham que quem nos criou não nos monitora nossos pensamentos ( Q.I.)...lembram bem um tabuleiro de Xadrez,quem quiser ganhar tem que antecipar a jogada do outro .'.